Das máscaras que usamos para agradar a quem gostamos..

Das pessoas que se fecham e não se deixam tocar,

De me deixar tocar e sair magoado..

De ser o que não sou para não perder quem gosto..

Estou farto de me magoar por me entregar por completo..

Eu só quero viver preenchendo o coração de alguém e ser preenchido… mas torna-se impossível de o fazer quando o alvo não se deixa preencher e fecha-se naquilo que é. Sinto-me vazio, sem alegria, sem amor. Um filme toca-me, uma música, um espectáculo, uma foto, uma pintura.. mas porque é que as pessoas se fecham tanto ao ponto de não tocarem em ninguém? Quero viver sem medo de ser quem sou, sem medo de me entregar por completo… Onde existem pessoas com a mesmo opinião? Onde?

Vivam!! Entreguem-se. Deitem para fora o que sentem, não guardem!!!

Preciso de me libertar, de gritar e deixar sair os meus sentimentos de raiva para com a máscara que tenho. Eu sou o que sou e quero se-lo. Mas é impossível quando existem olhares fechados, à espera de julgar e reprovar os outros.

Por favor, deitem para fora os vossos sentimentos, porque andar a desmascarar todas as pessoas que se conhece à procura da personalidade escondida de cada é quase impossível.