Estou de férias, e como tal sem nada para fazer… O tempo passa e damos por nós a pensar em tudo o que somos, o que não somos, no Universo, como tudo começou, etc etc etc.

Vi um filme, de nome Contact, que vale pelo seu fim e nos faz pensar no que somos dentro de todo um Universo. Ora aqui vai os meus pensamentos:

Ora bem, a ciência não explica mas eu acredito em dimensões (universos) bem diferentes do nosso, onde a noção de matéria, espaço, tempo são completamente diferentes.. digo mesmo, impossíveis de imaginar para nós. Quando digo impossíveis digo mesmo que nunca na vida nos vai passar pela cabeça. Pois bem, nós temos o nosso universo.. e se para quem está noutro Universo, nós formos apenas uma migalha de pó que desaparece em 1 segundo? Para nós vivemos 70 anos, e o Universo é infinito.. noutra dimensão não passa de segundos e o nosso Universo é uma migalha de pão.

Imaginem estarem perante um portal para outra dimensão, entrarem nele para outro Universo, ficarem lá certa de 1 dia.. e quando regressam à vossa dimensão apenas passou 2 segundos. Imaginem o contrário. Imaginem que entraram no portal apenas 1 minuto e quando voltaram todas as pessoas que gostavam já estavam mortas e enterradas à mais de 100 anos.

A ciência nem sequer prevê isto, porque iria abalar e muito as suas teorias… será a ciência assim tão diferente da religião que faz exactamente o mesmo a tudo o que ameaça as suas teorias?

Somos seres explicados de forma científica? Claro que sim.. mas ninguém pode dizer que não somos também espirituais. Se o disserem, estão a afirmar que somos meras fórmulas matemáticas preparadas para reagir de tal forma em determinada situação.. recuso-me a pensar que seja isso, sou mais que isso.. não sou um cérebro, não sou um coração, sou algo que não se pode explicar nem nunca a ciência vai conseguir dar uma razão para a minha existência.

Em forma de conclusão, acredito que existam dimensões bem diferentes da nossa, dimensões essas que é para nós impossível imaginar.. talvez por isso os “lol’s” e gozos quando se fala nisto.. “nahhh, isso não existe.. achas mesmo” lol digo eu, como a mente de algumas pessoas é tão fechada que só acredita naquilo que vê e naquilo que conhece.. sendo assim os nossos antepassados bem podiam ter ficado parados no tempo.. acreditando apenas no que vissem.. ou seja, havia a terra, a lua, e depois um espaço azul sem nada. Felizmente continuam a haver pessoas que têm uma menta mais aberta de forma a dar-nos a conhecer o que existe para além do que vemos e do que acreditamos. Mentes cépticas que se recusam a acreditar no bizarro e naquilo que não conseguem imaginar são as que nunca poderão descobrir algo de novo para além do imaginável. Quem imaginaria em tempos que o Universo era infinito? Agora quase toda a gente acredita nisso como um dado adquirido.. e não foi graças aos cépticos concerteza.. que provavelmente diriam nessa altura: “infinito? Isso não existe não sejam burros”. Dei este exemplo como poderia dar outro qualquer..

Quanto a espíritos, bruxedos, seja o que for.. muita coisa é inventada com interesses.. outras obras da nossa imaginação que se parecem reais, e se calhar outras que acontecem mesmo. Uma coisa é certa, tal como muitos também sou céptico neste aspecto, e não me vale a pena ver 10001 testemunhos de pessoas que viram e presenciaram alguns acontecimentos deste tipo, porque para mim, só vou acreditar quando for EU a presenciar um acontecimentos desses, e nessa altura… ninguém acreditará em mim a não ser eu… os cépticos vão continuar a ser cépticos e eu irei jurar a pés juntos o que vi, para que não me vejam como um maluco.

About these ads